segunda-feira, 1 de outubro de 2018

LULAS A PROVENÇAL




Essa receita fica uma delicia como entrada ou tira gosto mas pode ser prato principal se voce quiser come-la com uma arroz, pure ou outro acompanhamento que combine com um molho gostoso que compõe a receita. Aqui nessa foto comi com torradas de pão italiano, que vacilei de nao ter colocado na foto – ficariam lindas. A receita é fácil, a parte chata é ter paciencia para cortar a lula em tiras bem finas. Aconselho usar lulas da região dos lagos aqui do Rio de Janeiro, que são menores e muito mais saborosas. As lulas importadas que vendem no supermercado, que são do pacifico, são enormes mas, para mim, com pouco sabor.

Ingredientes
Para duas pessoas
4 lulas pequenas, frescas e limpas
2 dentes de alho
Azeite
Sal e pimenta do reino a gosto
1 limão siciliano
Tomate confit (veja a receita aqui – é opcional)
½ maço de Ceboulette
1 colher de sopa de manteiga
½ copo de vinho branco
1 xicara de creme de leite fresco


Comece cortando as lulas. Lave bem as lulas, retire a pele roxa que cobre a carne e abra o saquinho do corpo com o auxilio de uma faca amolada. Secar os “files” em papel toalho em ambos os lados. Com o auxilio de uma faca bem amolada, cortar os files em finas, bem finas, tiras. Aqui fica uma ressalva – quanto mais fina for a tira melhor, o ideal é que seja quase transparente, como se fosse um carpaccio. Repetir a operação até que todas as lulas estejam cortadas. Aquecer uma frigideira com 2 colheres de azeite e quando estiver bem quente colocar pequenas porções de lula para fritar por 2 minutos, rapidamente. Retirar a lula da frigideira e repetir a operação até que toda a lula tenha sido frita. Reservar. Na frigideira juntar o vinho e deixar reduzir a metade. Juntar uma colher de sopa de manteiga, o alho picado, sal e pimenta do reino a gosto e 1 colher de sopa de suco de limão. Misturar bem, provar e acertar o sal se for necessário. Juntar o creme de leite, os tomates confit misturar bem e deixar aquecer. Por ultimo juntar a ceboulette cortada bem pequena e as lulas. Deixar por 1 minuto, provar e ajustar os temperos se for necessário e servir com torradas.




terça-feira, 25 de setembro de 2018

LAGOSTIN GRELHADO COM ALHO PORO E FONDUTA DE QUEIJO




Ando meio sem tempo de fazer publicações aqui no blog e, confesso, tenho apenas mantido a conta do Instagram atualizada e minhas receitas aqui andam bem atrasadas. Espero poder com o tempo chegar perto das fotos que tenho publicado mas vou colocar todas, prometo. 
Esse prato eu fiz como teste e foi uma surpresa, ficou saboroso e bem leve, a receita ideal para um entrada onde é possivel ter o sabor leve da carne do lagostin. Aqui eu usei lagostin frescos que eu comprei no mercado de peixe de Niteroi. 



Ingredientes
Para duas pessoas
2 lagostins frescos limpos e sem casca
1 dente de alho
1 alho poro grande fresco
1 xicara de vinho branco e +
2 colheres de sopa de vinho branco
2 colheres de sopa de manteiga
½ cebola
200ml de creme de leite fresco
1 xicara de queijo parmesão ralado
Azeite
Sal e pimenta do reino a gosto
½ limão
1 galho de alecrim

Deixe os lagostins marinando por 20 min no alho, alecrim, suco do limão e 2 colheres de sopa de azeite. Corte as extremidades do alho poro descartando as folhas verdes e as raízes, deixando somente a parte central. Retire a folha externa e lave bem. Corte de um tamanho que seja um pouco maior que o lagostin e depois corte ao meio longitudinalmente e passe sobre a água para retirar qualquer impureza. Reserve. Pegue um refratário e unte com azeite. Coloque os dois pedaços de alho poro dentro do refratário com a parte redonda para baixo. Tempere com sal e pimenta do reino a gosto. Coloque duas colheres de chá de manteiga dentro do refratário e duas colheres de sopa de  vinho branco. Regue com azeite. Leve ao forno pre aquecido a 200º.C por 15 a 20 min, o tempo vai depender do tamanho e largura do seu alho poro, e da temperatura do seu forno mas verifique depois de 10 min e então a cada 5 min. O alho poro grelhado mas não deve ficar ressecado. Faça o molho. Em uma panela pequena coloque o restante do vinho e a cebola para ferver até que o vinho tenha reduzido a metade. Junte o creme de leite e tempere com sal e pimenta do reino branca a gosto. Retire a cebola e junte o queijo misturando bem ate que esteja bem homogêneo. Reserve. Aqueça uma frigideira com uma colher de sopa de manteiga e um fio de azeite e, quando estiver aquecida, coloque os laginstins para grelhar – o lagostins é uma carne que não deve ficar no fogo por muito tempo caso contrario fica borrachuda.  Coloque a fatia de alho poro no prato com o  lagostins por cima. Regue com um pouco de molho ao redor do alho poro e sirva quente.







terça-feira, 18 de setembro de 2018

LOMBO DE ATUM COM GERGELIM PRETO E LEGUMES



Para fazer essa receita é bem importante que voce tenha atum fresco. Esse aqui eu comprei o atum inteiro, uma peça bonita e fresca de cerca de 3kg, que foi limpa e deram 2 lombos maravilhosos. Como a receita mantem o interior do atum um pouco cru, o peixe precisa ser comprado em local de confiança, fresco.

Ingredientes
Para duas pessoas
500gr de lombo atum fresco e limpo
2 xicaras de gergelim preto
1 limão
4 tomates italianos pequenos
4 cebolinhas em bolinha pequenas
1 alho poro
5 dentes de alho
Azeite
Sal e pimenta do reino a gosto
4 galhos de tomilho fresco
1 galho de alecrim
½ xicara de vinho branco
½ xicara de creme de leite fresco
1 colher de sopa de shoyo

Em um prato raso coloque as sementes de gergelim. Faça uma mistura de suco de limão e sal e passe o lombo por ela. Escorra bem e passe pelo gergelim apertando bem de todos os lados para que as sementes tenham aderencia ao atum. Emvolva em um filme plastico e leve a geladeira até a hora de fritar. Faça os legumes que demoram um pouco mais. Lave bem os tomates e o alho poro. Descasque as cebolas. O Alho poro descarte as folhas e corte o caule em dois pedaços. Unte um refratario com azeite e disponha os tomates, cebolas, os dentes de alho e o alho poro. Junte as folhas de alecrim e dois galhos de tomilho. Regue tudo com azeite, tempere com sal e pimenta do reino a gosto. Leve ao forno em fogo médio, 180º.C até que os legumes estejam dourados, cerca de 20min – isso vai depender do seu forno. Faça o atum quando os legumes estiverem quase prontos. Aqueça uma frigideira com 2 colheres de sopa de azeite e quando estiver bem quente coloque o atum em um dos lados sem mexer. Espere 1 minuto, vire e deixe, sem mexer, mais um minuto. Repita a operação ate que todos os lados estejam dourados. O tempo que voce vai deixar o atum na frigideira vai depender do seu gosto. O lombo de atum fica mais gostoso quando o interior é um pouco mais cru. O atum vai continuar a cozinhar mesmo depois que retira-lo da frigideira.  Após ter dourado todos os lados retire o lombo e reserve. Retire os legumes do forno e coloque-os em outro prato mantendo os temperos e azeite que ficaram no refratario. Transfira esse “fundo” para uma panela pequena. Junte o vinho e deixe reduzir a metade. Junte o shoyo e o creme de leite. Misture bem, prove e acerte o sal e a pimenta se necessário. Junte uma colher de sopa de manteiga, misture bem e reserve. Coloque o lombo sobre uma tabua e corte em fatias medias. Sirva com os legumes e o molho.




sexta-feira, 31 de agosto de 2018

RAVIOLI DE COUVE COM CARNE DE PORCO E VINAGRETE DE FEIJÃO FRADINHO




Já dei aqui no blog uma outra receita desse ravioli de couve, na versão anterior ele veio recheado com um purê de feijão fradinho, aqui ele vem recheado com carne de porco e o feijão segue como acompanhamento em um vinagrete.

Ingredientes
Para quatro pessoas
4 folhas de couve grandes
2 xicaras de feijão fradinho cozido
½ pimenta dedo de moça
200gr de lombo de porco salgado
Azeite
Sal e pimenta do reino a gosto
Manteiga
3 dentes de alho
1 cebola grande
1 tomate italiano bem maduro e firme
1 xicara de salsinha picada
1 colher de sopa de suco de limão


Comece desalgando o lombo e cozinhando em panela de pressão por 20min, após começar a apitar. Descasque e pique a ½  cebola e o alho. Em uma frigideira coloque 1 colher de sopa de manteiga, um fio de azeite e a cebola para refogar. Deixe a cebola refogar até que esteja transparente, junte dois dentes de alho picado e deixe refogar por 2 minutos. Retire as sementes da pimenta dedo de moça e corte em cubos pequenos. Junte ao refogado. Tempere com sal e pimenta do reino a gosto. Desligue o fogo da panela de pressão, retire a pressão, abra e escorra o lombo. Retire a gordura, se houver, limpe bem e desfie a carne. Transfira a carne desfiada para a frigideira com o refogado de cebola e alho. Misture bem, prove e acerte o sal e pimenta se necessário. Reserve. Lave bem o feijão fradinho e coloque em uma panela com água e sal para cozinhar até que esteja macio, cerca de 20 minutos. Escorra e reserva. Lave bem o tomate e corte em cubos bem pequenos descartando as sementes. Descasque e corte a cebola em cubos pequenos do mesmo tamanho do tomate. Pique a salsinha bem pequena. Junte a salsa, o tomate e cebola picada ao feijão fradinho. Tempere com sal e pimenta do reino a gosto. Junte 2 colheres de sopa de azeite, suco de limão.  Aqueça uma panela com água e sal e, quando estiver quente, junte as folhas de couve. Deixe por 2 minutos, retire e coloque em água gelada para interromper o cozimento. Coloque uma folha sobre uma tabua e, com o auxilio de um cortador circular, corte um circulo da folha. Faça o possivel para não pegar a parte do caule central. Repita a operação com as outras folhas. Na hora de servir coloque uma porção da carne de lombo refogada no centro da couve dobre como um ravioli, disponha no centro de um prato, sirva uma porção do vinagrete de feijão fradinho para acompanhar. Regue um azeite e sirva.




quinta-feira, 23 de agosto de 2018

PERA ASSADA COM ESPECIARIAS, AÇAFRÃO E CALDA DE CHOCOLATE




Amo pera e faze-las assadas são uma diversão para mim sempre experimentando novos sabores e formas. Essa receita é bem simples com sabor maravilhoso e um visual de dar água na boca. Eu usei açafrão de verdade em pistilos mas caso voce não tenha em casa pode tentar substitui-los por curcuma, o gosto vai ficar um pouquinho diferente mas será muito bom mesmo assim.

Ingredientes
Para duas pessoas
2 peras maduras do tipo williams
2 flores de anis estrelado
1 pau de canela
4 grãos de pimenta do reino fresca
4 grãos de cardamomo
4 grãos de coentro
200ml de vinho branco seco de boa qualidade
½ colher de chá de pistilos de açafrão
3 colheres de sopa de açucar
100ml de água
Para a calda de chocolate
200gr de chocolate meio amargo 70%
100gr de creme de leite fresco

Descasque as peras mantendo os cabos. Em uma panela pequena, mas que caiba as duas peras, coloque o vinho, a água, o açucar e as especiarias. Mexa bem até que o açucar tenha dissolvido. Coloque as duas peras e se certifique de estarem totalmente cobertas pelo liquido. Ligue o fogo em fogo médio e deixe levantar fervura. Abaixe o fogo e junte o açafrão. Deixe cozinhar em fogo baixo por 15 min ou até que a pera esteja macia. Desligue o fogo e reserve. Faça a calda. Corte o chocolate em pedaços pequenos e coloque em um refratário. Leve ao fogo médio em banho maria até que esteja todo derretido. Retire do fogo e junte o creme de leite mexendo bem até que esteja todo incorporado e homogeneo. Disponha uma porção de creme de chocolate no prato e sobre disponha a pera. Enfeite com algumas especiarias e sirva.





sexta-feira, 17 de agosto de 2018

NHOQUE DE MILHO COM FAROFINHA DE PORCO E MOLHO DE GORGONZOLA




Quando vi a receita de nhoque de milho em uma revista de culinária fiquei logo interessada. Achei diferente e quis experimentar, a receita original é de um restaurante de São Paulo que serve acompanhada de um molho de tucupi com camarões. Resolvi experimentar primeiro o nhoque com um molho diferente, o de queijo, para ver qual era o sabor e a textura. Gostei mas, quase como sempre, essas receitas de revistas de culinária não veem completas. Tem, quase sempre, algo errado ou que não vem bem explicado. Algum segredo que não é contado e isso me deixa chateada. Se a pessoa não quer dar a receita então simplesmente não dê. Dar a receita errada é muito chato, é sacanagem com quem vai gastar os ingredientes e ter um resultado ruim, principalmente com pessoas que não tem tanta experiência na cozinha e que acreditam que o problema do erro foi delas. Quando você, pelo menos, possui alguma experiência só de ler é fácil saber que tem algo errado. Bom esse nhoque foi mais ou menos assim. A receita não tinha ovos nos ingredientes mas na explicação dizia “ adicionar os ovos”, coloquei dois por minha conta, mais ou menos, pela quantidade de massa que tinha na vasilha. O nhoque ficou gostoso mas difícil de manipular para fazer os “ rolinhos” . Eu coloquei os meus na panela com um saco de confeitar sem bico, cortando com a faca direto dentro da panela com água. Foi o jeito mais fácil que achei. Enrolar na farinha, como sugerido pela revista, não funcionou bem.

Ingredientes
Para 3 pessoas
250gr de farinha de trigo
250gr de queijo de coalho
100gr de manteiga
4 latas de milho verde
½ litro de leite
2 ovos
150gr de lombo de porco salgado
200gr de queijo gorgonzola
250gr de creme de leite fresco
50ml de caldo de legumes
½ cebola
1 folha de louro
2 folhas de salvia
Sal, pimenta do reino e noz moscada a gosto

Comece pelo lombo. Deixe o lombo de porco dessalgando ou ferva por 3 vezes trocando a água. Coloque o lombo em uma panela de pressão com água, a cebola e uma folha de louro. Deixe cozinhar por 20 min depois que a panela começar a apitar. Retire a pressão, escorra a água e retire o lombo. Retire as gorduras e as peles e corte em pedaços. Coloque os pedaços de lombo em um processador e bata até obter uma farofa fininha. Reserve.
No liquidificador bata o milho verde com o liquido até ficar bem liso. Passe por uma peneira, se possível, duas vezes. Coloque em uma panela e leve ao fogo brando mexendo sem parar. Acrescente o leite, a manteiga, o sal e a noz moscada. Depois a farinha de trigo mexendo até soltar do fundo da panela. Retire do fogo e acrescente o queijo de coalho ralado e os ovos mexendo rápido e  sem parar até ficar bem homogêneo. Deixe esfriar e trabalhe a massa com as mãos sobre uma mesa com farinha de trigo. Eu achei mais fácil colocar a massa em uma saco de confeitar sem o bico. Pinguei a massa diretamente sobre a panela de água quente cortando os nhoques com uma faca na ponta do saco. Caso você faça sobre a mesa enfarinhada depois é só colocar em uma panela com água e sal fervente. Espere os nhoques virem a superfície da panela para retira-los.

Faça o molho. Coloque o caldo de legumes em uma panela e quando estiver fervendo acrescente duas folhas de salvia e o queijo gorgonzola em pedaços. Mexa até que todo o queijo tenha derretido. Junte o creme de leite e tempere com pimenta do reino a gosto. Deixe ferver e desligue o fogo.  Sirva os nhoques com o molho de gorgonzola e cubra com uma porção de farofa de lombo.





sexta-feira, 27 de julho de 2018

CAMARÃO CROCANTE COM COUSCOUS DE ALCAPARRAS E AMÊNDOAS





Ingredientes
Para duas pessoas
8 camarões grandes limpos
2 dentes de alho
½ limão siciliano
Azeite
Sal e pimenta do reino a gosto
1 ovo
1 xicara de farinha de trigo
2 xicaras de tapioca para empanar
2 xicaras de couscous marroquino
1 xicara de alcaparras
2 xicaras de  caldo de legumes
1 xicara de amêndoas em lascas
1 xicara de folhas de sálvia

Tempere os camarões em uma vasilha com 2 dentes de alho picados, suco de ½ limão, 2 colheres de sopa de azeite e pimenta do reino a gosto. Deixe marinando por, pelo menos, 15 minutos. Separe dois pratos e um vasilha pequena e distribua a farinha de trigo, a tapioca e o ovo levemente batido. Após a marinada escorra os camarões, reservando a marinada, tempere com sal e passe o camarão pela farinha de trigo, depois pelo ovo e, por ultimo, na tapioca. Deixe na geladeira enquanto faz o couscous. Aqueça o caldo de legumes. Coloque o couscous em uma panela, junte o caldo de legumes bem quente. Misture bem e tampe. Aguarde uns 5 a 10 minutos e o couscous vai absorver todo o caldo de legumes. Aqueça em fogo baixo 3 colheres de sopa de azeite em uma frigideira e junte as folhas de sálvia, deixe por um minuto, e junte as alcaparras. Misture bem, desligue o fogo e junte o couscous soltando os grãos do couscous com o auxilio de um garfo. Por ultimo, misture delicadamente metade das amêndoas em lascas. Reserve. Aqueça uma panela pequena com óleo e, quando estiver bem quente, coloque aos poucos os camarões para fritar. Sirva uma porção de 4 camarões com o couscous, regue com azeite e polvilhe com o restante das lascas de amêndoas.




segunda-feira, 23 de julho de 2018

LASANHA DE FRANGO



Ando super atrasada com as minhas postagens aqui no blog e não tenho conseguido acompanhar as receitas das fotos que posto no instagram então, peço que tenham um pouco de paciência que vou tentar atualizar aos poucos as coisas por aqui.
Essa é uma lasanha meio estilizada, com apenas alguns pedaços de massa para ficar levinha e sem creme. Um pouco diferente da lasanha tradicional que leva molho bechamel e é um pouco mais pesada. Eu usei uns pedaços de frango desfiado que foram sobra de um frango assado que tinha na geladeira, caso você não tenha então pode colocar pedaços de frango refogado ao seu gosto. O meu estava apenas assado no forno temperado com sal, pimenta do reino, alho e muita manteiga.

Ingredientes
Para duas pessoas
Massa
200 g de farinha de trigo
2 gemas de ovo 
1 ovo inteiro 
½ colher de sopa de sal
1 colher de sopa de azeite de oliva extravirgem
2 xicaras de frango desfiado
2 tomates
1 xicara de passata de tomates
½ cebola
½ xicara de salsinha picada
½ pimenta dedo de moça (opcional)
1 copo de requeijão cremoso


Modo de preparo

Em uma panela coloque 2 colheres de sopa de azeite e refogue a cebola cortada em cubos bem pequenos. Junte o tomate, que deve ter sido cortado em cubos pequenos, sem sementes. Deixe refogar por dois minutos e junte o frango desfiado. Misture bem e junte a passata. Tempere com sal e pimenta do reino a gosto. Junte e pimenta dedo de moça, abaixe o fogo e deixe reduzir o molho. Faça a massa. Junte todos os ingredientes em um bowl e misture bem até a massa ficar homogênea. Deixe 1 hora descansando na geladeira antes de usar.  Abra a massa em lâminas finas e corte em quadrados. Reserve. Junte a salsinha picada no frango. Aqueça uma panela com água e sal e quando estiver fervendo coloque as laminas de massa para cozinhar. Deixe por 4 minutos e escorra. Na hora de servir monte uma lamina de massa, uma porção de frango, uma porção generosa de requeijão. Repita essa operação ate formar 3 camadas. Cubra com queijo parmesão ralado e sirva.





sexta-feira, 13 de julho de 2018

MEDALHÃO COM CROSTA DE ERVAS E RISOTO DE CATUPIRY




Receita super simples e gostosa.

Ingredientes
Para duas pessoas
2 medalhões de filé mignon
3 dentes de alho
1 xicara de farinha panko
1 xicara de queijo parmesão ralado
1 colher de sopa de alecrim picado
1 colher de sopa de folhas de tomilho
1 galho de tomilho
2 colheres de sopa de vinagre
Azeite
100gr de manteiga
Sal e pimenta do reino a gosto
1 xicara de arroz arborio
½ xicara de vinho branco seco
½ echalota ou cebola
2 xicaras de caldo de legumes caseiro
200gr de queijo caturipy

Tempere os medalhões com pimenta do reino fresca e dois dentes de alho picado. Junte o vinagre, 4 colheres de sopa de azeite e 1 galho de tomilho. Misture bem e deixe marinar por uns 20 minutos.
Faça a crosta de ervas. Em um recipiente coloque a farinha panko, as folhas picadas de alecrim, as folhas de tomilho, o queijo parmesão ralado e tempere com pimenta do reino a gosto. Adicione duas colheres de sopa de manteiga e, com o auxilio de um garfo, misture bem até formar uma pasta homogenea. Reserve na geladeira.
Faça o medalhão. Aqueça uma frigideira grande com duas colheres de sopa de manteiga e duas colheres de sopa de azeite, quando estiver aquecida junte os dois medalhões. Temepre com sal. Deixe dourar bem de um lado para depois virar para o outro. Desligue o fogo e transfira os medalhões para uma travessa refratária. Pegue a pasta de ervas na geladeira e faça uma crosta sobre cada medalhão moldando com o auxilio das mãos. Leve ao forno para gratinar até que esteja dourado. Cuidado com esse processo para que o seu medalhão não fique seco. É importante que o forno tenha a opção de gratinar. Enquanto esta gratinando faça o risoto.
Faça o risoto. Pique a cebola em cubos bem pequenos e reserve. Em uma panela coloque duas colheres de sopa de azeite e a cebola para suar. Quando estiver transparente junte ½ dente de alho picado e refogue. Junte o arroz e mexa bem até que todos os grãos estejam cobertos de azeite. junte o vinho e deixe evaporar até quase secar. Tempere com sal e junte metade do caldo. Abaixe o fogo e mexa de vez em quando. Adicione mais caldo se for preciso. Os grãos devem ficar macios porem firmes, al dente. Um pouco antes de desligar junte o catupiry, mexa bem até que esteja todo derretido. Desligue o fogo e junte 1 colher de manteiga gelada. Misture bem, prove e acerte o sal se for necessário. Sirva com o medalhão.






quinta-feira, 21 de junho de 2018

LAGOSTIM COM PURÊ DE BATATA DOCE ROXA E MOLHO DE CÚRCUMA





Meio sem tempo para poder escrever e atualizar meu blog :(  
Super atrasada com as receitas em comparação as publicações do instagram mas tentando colocar alguma coisa pelo menos uma vez por semana. Esse prato já fiz há algum tempo atrás e ficou maravilhoso, fica perfeito para uma entrada de um jantar. espero que voces gostem.


Ingredientes
Para duas pessoas
2 lagostins frescos limpos e sem casca
1 dente de alho
1 xicara de vinho branco
½ cebola
200ml de creme de leite fresco
½  xicara de queijo parmesão ralado
Azeite
Sal e pimenta do reino a gosto
½ limão
1 galho de alecrim
1 colher de sobremesa de cúrcuma
2 batatas doces roxas medias

Comece pelas batatas. Lave bem as cascas e enrole-as em papel alumínio levando ao forno pre aquecido a 200º.C por 40 min ou ate que estejam macias. Enquanto isso coloque os lagostins para marinar.  Deixe os lagostins marinando por 20 min no alho, alecrim, suco do limão e 2 colheres de sopa de azeite. Retire as batatas do forno e, com o auxilio de uma colher retire todo o miolo descartando a casca. Passe a batata por um espremedor formando um purê homogêneo. Misture uma colher de sopa de manteiga, tempere com sal e pimenta do reino a gosto e reserve.  Faça o molho. Em uma panela pequena coloque o vinho e a cebola para ferver até que o vinho tenha reduzido a metade. Junte o creme de leite e tempere com sal e pimenta do reino branca a gosto. Retire a cebola e junte a cúrcuma e  o queijo misturando bem ate que esteja bem homogêneo. Prove e acerte o sal e pimenta se for necessário. Reserve. Aqueça uma frigideira com uma colher de sopa de manteiga e um fio de azeite e, quando estiver aquecida, coloque os laginstins para grelhar – o lagostins é uma carne que não deve ficar no fogo por muito tempo caso contrario fica borrachuda.  Na hora de servir coloque uma porção de purê de batata no fundo do prato, o lagostin por cima e regue com o molho de cúrcuma.





sexta-feira, 15 de junho de 2018

FILE DE FRANGO COM MOLHO DE AÇAFRÃO E BATATAS HASSLBACK





Pessoal não tenho tido muito tempo para postar por aqui e para escrever as receitas das fotos que tenho postado no instagram. Tenho tentado mas confesso que estou bem atrasada com a publicação das receitas. Aqui segue uma que eu adoro, é simples, coringa e cheia de sabor, ideal para dar aquele up no nosso filé de frango de cada dia 😊



Ingredientes
Para duas pessoas
2 files de frango sem pele
2 dentes de alho
Suco de 1 limão
Sal e pimenta do reino a gosto
10 batatas pequenas
200ml de creme de leite fresco
1 colher de chá de açafrão – (caso não tenha pode substituir por 1 colher de sobremesa de curcuma)
1 xicara de queijo parmesão ralado
200gr de manteiga
1 ramo de alecrim

Em uma vasilha coloque os filés de frango para marinar com o alho, as folhas de alecrim, pimenta do reino, o suco de limão. Deixe marinar enquanto as batatas estão sendo assadas. Lave bem as batatas e coloque-as em uma panela com água para cozinhar por 5 min. Escorra e com o auxilio de uma faca faça os cortes das batatas sem deixar que o corte vá até o final. Em um refratário disponha as batatas cortadas, regue com um fio de azeite. Tempere com sal e pmenta do reino a gosto e leve ao forno pré-aquecido por 20 min a 220º.C.
Em uma panela coloque o creme de leite e aqueça. Junte as folhas de açafrão (ou a curcuma). Tempere com sal e pimenta do reino e junte o queijo parmesão. Misture bem e regue as batatas que estão no forno com esse creme. Abaixe o forno para 180º.C. Aqueça uma frigideira com a manteiga e frite os filés de frango até estarem dourados de ambos os lados. Retire os filés da frigideira e corte em tiras. Retire as batatas do forno. Sirva o filé com as batatas e o molho de açafrão.






terça-feira, 5 de junho de 2018

TORTA DE NOZES PECAN COM CHOCOLATE





Vi uma foto dessa torta, na verdade um pequeno video, no instagram e fiquei logo com água na boca pensando em como deveria ser gostosa. Sou muito fã de chocolate e, tambem, gosto bastante de torta de nozes pecan tradicional – acompanhada de um sorvete de creme fica maravilhosa!! Rsrsrsrs – porque não juntas essas duas delicias em uma única torta?! Que ideia maravilhosa teve essa pessoa que inventou essa receita. Não tive dúvidas, tive que experimentar e não me decepcionei, é muito gostosa. O trabalho fica somente por conta da massa que deve forrar a forma. O recheio é bem simples de ser feito e essa é uma sobremesa perfeita para um essa epoca de final de ano. Experimente!! A receita é do site Food and Wine.

Ingredientes
Para a massa
1 ¼ xicara de farinha de trigo
2 colheres de sopa de açucar
1 colher de chá de sal
120gr de manteiga sem sal
¼ xicara de água gelada
Recheio
3 ovos grandes
¾ xicara de açucar mascavo
2/3 xicara de glucose de milho
1 colher de chá de baunilha
3 colheres de sopa de bourbon ou rum
2 colheres de sopa de manteiga sem sal derretida
1 colher de chá de sal
2 xicaras de nozes pecan
¾ xicara de gotas de chocolate
Comece fazendo a massa. No processador, ou em uma vasilha, coloque a farinha de trigo, o açucar e o sal. Misture bem. Junte a manteiga cortada em pequenos pedaços e bata até esfarinhar em pequenos grumos. Junte a água e misture com o garfo e, no final, junte com as mãos até formar um bola. Leve a geladeira por 15 min enquanto faz o recheio. Em um vasilha coloque os ovos, o açucar mascavo, a glucose, baunilha, o bourbom, o sal e a manteiga derretida. Misture bem. Pegue as nozes pecan e corte em pedaços grosseiros e junte a mistura assim como as gotas de chocolate. Misture bem. Pegue a massa da geladeira e forre o fundo de uma forma de fundo falso. Coloque o recheio e leve ao forno pre aquecido a 180º.C por 55 minutos ou até que as bordas da massa estejam douradas. Sirva quente ou fria com uma bola de sorvete. J





segunda-feira, 21 de maio de 2018

PUPUNHA RECHEADO COM CREME DE BACALHAU E TAPENADE DE AZEITONAS




Sigo a conta do Olympe e do chef Thomas Troigros no instagram, as fotos são maravilhosas e sou super fã do restaurante. Outro dia vi uma foto de um prato, do menu confiance, muito parecido com essa aqui, na mesma hora achei maravilhoso e tive muita vontade de experimentar. Pela foto, e imaginando como poderia ser, mas adorando a ideia e a combinação, fiz a receita abaixo. É importante frisar que não achei a receita do prato original do Olympe e não faço a menor ideia de como seja e que, a receita aqui é minha baseada, apenas, em uma foto. Não tenho a menor pretenção de achar que é igual a receita original ou fazer qualquer comparação possivel.

Ingredientes
Para duas pessoas
2 caules de palmito pupunha fresco e largos
1 xicara cheia de bacalhau desalgado e cozido
1 cebola pequena
2 dentes de alho
1 xicara de creme de leite
Noz moscada
2 xicaras de queijo parmesão ralado
½ xicara de salsinha picada
1 xicara de azeitonas pretas sem caroço
Sal e pimenta do reino a gosto
Noz moscada
Azeite

Comece moldando o palmito. Voce vai precisar de um molde cilindrico para fazer a cavidade no palmito, ou qualquer outro tipo de cortador cilindrico que possuir. Corte o palmito em um cubo de cerca de 06 cm e com o auxilio de um cilindro retire o miolo formando como se fosse um copo. Repita a mesma operação com o outro palmito. Reserve. Faça o bacalhau. Descasque e corte em cubos pequenos a cebola. Descasque o alho. Reserve. Aqueça uma panela com 2 colheres de sopa de azeite e coloque a cebola picada para refogar. Deixe refogando até que a cebola esteja levemente dourada, junte o alho picado e refogue por mais um minuto. Junte o bacalhau em pedaços pequenos, quase desfiado. Mexa bem tempere com pimenta do reino e noz moscada a gosto. Junte o queijo parmesao ralado, mexa novamente e junte o creme de leite. Prove e acerte o sal e a pimenta do reino. Desligue o fogo, junte a salsinha picada e reserve. Com o auxilio de um pincel de cozinha pincele o palmito com azeite, toda a parte interna e externa. Pegue um refratário e unte com azeite. Disponha os dois “ copos” de palmito e na cavidade central coloque uma porção generosa do bacalhau até um pouco mais da superficie. Polvilhe queijo parmesão ralado por cima e leve ao forno para gratinar. Enquanto o bacalhau esta no forno coloque as azeitonas no processador e processe até obter uma pasta. Reserve. Retire o palmito do forno quando o queijo estiver grtinado. Transfira para um prato, disponha o creme de azeitonas nas laterais do palmito e regue tudo com um bom azeite. Sirva quente.






sexta-feira, 18 de maio de 2018

CANOLI E SALGADO DE QUEIJO COM ERVAS



O Canoli é uma receita tipica Italiano da região da Sicilia, basicamente consiste de uma massa frita com um recheio cremoso, doce. Normalmente esse recheio é de ricota misturada com algum outro ingrediente que traz o sabor principal do recheio. Minha versão aqui é uma entrada salgada, que tomei a liberdade de chamar de canoli, com recheio tambem de ricota porem com algumas variações: a massa é feita de massa filo para ser mais leve e a ricota esta temperada com ervas finas e parmesão. Tudo acompanhado de uma geleia de maça com pimenta. Um delicia!

Ingredientes
Para 6 canolis
1 pacote de massa para harumaki
300gr de ricota fresca
Sal e pimenta do reino fresca
1 colheres de sopa de folhas de tomilho
1 colheres de sopa de folhas de alecrim picado bem miudo
1 colher de sopa de salsinha picada
1 xicara de queijo parmesão ralado de boa qualidade
¾ xicara de creme leite
1 clara
Óleo para fritar

Transfira a ricota para o liquidificador ou um processador, junte o creme de leite, o sal, pimenta, as ervas. Processe até obter um creme liso, se necessário adicione um pouco mais de creme leite mas cuidado pois o creme não pode ficar muito umido. Desligue o liquidificador  e misture o queijo parmesão ralado. Prove e acerte o sal e a pimenta se necessário. Reserve.  Para fazer os canolis é necessário um molde que seja possivel fritar a massa mantendo o formato de um tubo. Se voce não possuir moldes proprios, pode fazer, improvissar, montando tubos de papel de aluminio e enrolando a massa ao redor mas cuidado para não deixar pontas de aluminio que possam prender a massa na hora de retira-la depois de frita. Em uma superficie lisa abra a massa de harumaki que normalmente já vem cortada em quadrados. Pincele a clara de ovo em uma das extremidades. Sobre cada molde enrole um quadrado de massa fechando com a  extremidade que esta pincelada com a clara. Repita a operação com todas as massas. Aqueça uma panela com óleo e quando estiver fervendo coloque os canolis para fritar. Escorra e deixe em papel toalha até que estejam bem sequinhos. Retire os moldes. Transfira o creme de ricota para um saco de confeitar e preencha os canolis com o creme. Disponha sobre um prato, polvilhe parmesão ralado e salsinha. Sirva.